ABRIRAM A TAMPA DO ESGOTO

O assunto do momento é a tal da refinaria de Pasadena, um elefante branco estratosférico adquirido pela Petrobras em condições obscuras só agora reveladas.  O “só agora reveladas” é o que mais me incomoda. Não precisa ser um expert em negócios e negociatas para entender que uma mutreta com essas proporções não passa – não passa mesmo – despercebida numa empresa pública.

Fica claro que quem hoje levanta a bandeira da CPI, a oposição, sabia da existência dessa lambança financeira mas guardou a informação, como uma carta na manga, para usá-la na hora certa. E qual a hora certa no mundo da política? Claro, a hora das eleições. O período pré-eleitoral é o momento exato em que a tampa do esgoto é aberta. Cada eleição tem seu excremento máster, o desse ano é a refinaria de Pasadena.

Veremos “bons moços” saracoteando diante das câmeras, elucubrando, “misanceneando”, soltando o verbo em nome da moral e dos bons costumes. A grande pergunta é: “Por que não denunciaram antes?”. Há quem acredite na bondade desses caras? Há, claro que há, isso é o que mais nos irrita. Ainda existe quem acredite na bondade e na hombridade dessas raposas.

Tudo isso isenta o governo Dilma de culpa? Não, claro que não. Esse texto, que fique claro, não é um panfleto em defesa do Governo, como dirão alguns. Toda a falcatrua envolvendo a incompreensível compra dessa refinaria tem que ser exposta em detalhes. Que os culpados sejam punidos e que os falsos bons moços não tirem proveito do esgoto que jorra de Brasília.

Comments

One response to “ABRIRAM A TAMPA DO ESGOTO”

Luma Rosa disse...
3 de abril de 2014 14:46

Oi, Ed!
Faz tempo que o Aécio Neves fala publicamente de uma CPI na Petrobras e vou te dizer mais, depois que o pt entrou para o governo, a empresa virou cabide de emprego do partido e vários diretores foram remanejados para dar lugar a essa escória. O José Dirceu é quem nomeia os diretores até hoje e a Graça Foster, por ser uma funcionária de carreira, não pode ser mandada embora, porém ela é muito ética e diretamente obedece a presidenta. Não acredito que ela saiba de algo, pois foi tudo muito bem feito e nas suas costas. A Dilma sabe, pois ela que assinou o contrato que contém todas as clausulas inerentes a negociação. Despedir subalterno é que não dá, para tapar o próprio "ato".
Saber de um fato e não ter provas, não dá suporte para iniciar um processo de CPI. Acho que esse tempo que a oposição ficou quieta, ficou para fazer um dossiê. Se foi justamente numa pré-campanha, tanto melhor! Muita coisa ainda há de vir e acho bom porque de certa forma, será exposto à sociedade as sujeiras desses políticos, tanto da oposição, mas principalmente o da situação.
Petrobrás já perdeu muito com Bolívia, Argentina e não houve justificava pública, apenas colocaram panos quemtes. Até quando assistiremos o Brasil ser mutilado em prol de interesses particulares?