OS ADORÁVEIS (E INCOMPREENDIDOS) ANOS OITENTA

Dias atrás estive envolvido numa sadia discussão no Ipsis Litteris, ótimo blog do amigo Grijó. Página bem frequentada, boa para troca de ideias. Algumas questões interessantes foram levantadas nas críticas feitas ao glorioso rock dos anos oitenta. Falou-se da falta de grandes instrumentistas, virtuoses. Discordei, claro, e deixei minha lista de instrumentistas que incluía Edgar Scandurra. Houve quem falasse que ele era mediano e não conhecia escala porque tocava com as corda soltas (???). Hilária essa afirmação. Não sou um virtuos0, mas também toco guitarra e estudei, por quatro anos, violão clássico. Basta ouvir o (ótimo) solo de “Dias de Luta” pra sacar que o Edgar conhece, sim, escala. Fiquei me perguntando: quem dos Beatles era um virtuoso instrumentista? Ao que me consta, só lá no Rivolver é que o George começou a mostrar seus rif’s. Mesmo assim os Beatles produziram discos antológicos que servem de referência até hoje. Em quase todas as listas de grandes discos, feitas nos Estados Unidos e na Europa, tem sempre, pelo menos, dois discos do Clash entre os 20 melhores. Nessa banda ninguém sabia cantar e tocavam pouquíssimo. Não me venham falar de razões mercadológicas porque música punk não toca no rádio!!!!!

E o Renato Russo? Depois que esse grande letrista virou artista popular, virou estampa de camiseta como o Che Guevara, passou a ser detestado pelos intelectuais. Sim, muita gente tem vergonha de dizer que o Renato é grande, afinal, o povo gosta, né? Se ele ficasse esquecido no underground longe do “embreguecimento” da mídia, tenho certeza, veríamos justos elogios a canções como “Tempo Perdido”, “Metal Contra As Nuvens”, “Teatro dos Vampiros”. Sou uma pessoa melhor porque ouvia (e ainda ouço) essas canções, não tenho dúvida. Memória afetiva? Sim, afetiva, criteriosa e calcada na razão. Segue um vídeo com versão ao vivo da belíssima Teatro dos Vampiros, Legião Urbana.

Comments

10 Responses to “OS ADORÁVEIS (E INCOMPREENDIDOS) ANOS OITENTA”

Dig's Pistor disse...
24 de março de 2009 10:02

bem legal!!!
ótimo blog

INDICOESSE disse...
24 de março de 2009 10:11

Realmente Anos 80 não me espantou muito com grande instrumentistas! Talvez o estilo dessa época foi realmente por a boca no tromba com os punks, ou então com a ida breguense de Madonna, e Cyndi Lauper!
Mas foi o que vc falou os Beatles tb nao sabiam tocar direito inicialmente e foi o que foi.

Tim Maia tb não era estudado em Música e fez várias músicas que tb é bem visto!!!

Ótimo post!
Minha primeira vez aqui, acho!
Tomara que eu volte!
QQ coisa me visite pra contar as novidades de seu blog!
AB

Joey disse...
24 de março de 2009 10:13

pra música brasileira os anos 80's foram os melhores!
Sou de 88 e queria ter nacido uns 15 anos antes pra poder acompanhar de perto o rock nacional!


visite:
http://webfuel.blogspot.com/

Hermilson Sousa disse...
24 de março de 2009 10:41

muito pessoal, apeas de blog ser um diario virtual, não tem nada quem me chamasse atenção.

msm assim, legalzim....

desculpaê a sinceridade!

passa la no meu, pode ser sincero tbm.

http://www.hermilson-sousa.blogspot.com

Gisela Melloso disse...
24 de março de 2009 10:42

Ed, sou dos anos 80 e como vc partilho da idéia deque tivemos sim, muito bons instrumentistas.
Sabe, o que temos hj, nos tempos de hj? As bandas~, são poucas as que se salvam, sim nossos maravilhosos anos 80 tiveram canções de verdade e grandes instrumentistas sim. E eu tb sou uma pessoa diferente por ter ouvido Indios, Sete Cidades, Metal contra as nuvens...

Parabéns pelo post e pelo blog, adorei e irei segui-lo

Forte abraço

Vandré disse...
24 de março de 2009 11:22

Anos 80, rock nacional... só não curtiu quem não era nascido, falar de Renato russo, legião,paralamas,titãs e etc...Sem comentarios!!!!

ED CAVALCANTE disse...
24 de março de 2009 13:33

Vandré, o show dos Titãs e dos Paralamas foi apoteótico, rapaz! Casa lotada, uma verdadeira celebração ao rock nacional.
Gisela, seja bem vinda ao Jornália, realmente, a boa música tem o poder de mudar as pessoas.
Beijão!

Hermilson, obrigado pela visita. Não vou falar o costumeiro "volte sempre" porque meu blog, pelo visto, não te agradou. mas é assim mesmo, uns gostam, outros ignoram e a vida segue seu rumo.

Abraço!

Sampa Animes disse...
24 de março de 2009 15:34

Muito dez esse video, Legião Urbana é sempre uma boa opção musical. \o/

Alcione Torres disse...
25 de março de 2009 00:15

Sobre o template do blog sobre decoração, tu pode fazer o download aqui: http://all-blogspot-templates.blogspot.com/2008/06/communist-blogger-template.html

Observe que fiz uma modificação naquele retângulo da parede e coloquei uns tijolos. Você pode fazer o mesmo e colocar algo relacionado ao seu blog. Se precisar de ajuda pode me escrever.
Abs.

Bete Meira disse...
26 de março de 2009 00:52

Quando a gente gosta não importa se arrasa na guitarra,no gogó,o que vale é a emoção que a música nos desperta e as lembranças que nos seguem por toda vida.
O Jornália é um blog de qualidade,interessante,variado e muito bem escrito,mas gosto não se discute,lamenta-se.Por que um blog tem que chamar atenção como se fosse Ana Paula Arósio ou Brad Pitt??? kkkkkkkkkkkk