UMA BELA MÚSICA, UM VELHO AMIGO E AS AGRURAS DA VIDA


Outro dia encontrei, por acaso, um velho amigo! Joselito ou Lito, como sempre o chamamos. Infelizmente, ele não anda bem de saúde, vive num mundo paralelo. Há muitos anos , lá pela década de 80, eu andava alucinado por ter descoberto os Beatles. Lito, que era um dos amigos que compartilhavam comigo dessa euforia, foi o responsável por eu descobrir uma bela canção do Fab four. Lembro que numa tarde estava a ver tv quando ele chegou com um disco (vinil) e me pediu que escutasse uma canção. Era “In My Life”, que ele ouvira no vinil emprestado de um tio beatlemaníaco. Adorei a música com aquele inusitado solo de cravo. Entrou para minha lista das preferidas. A letra dessa linda canção, de Lennon e McCartney, fala de amores e amigos, coincidentemente. Eis um trecho:
“Há lugares dos quais vou-me lembrar por toda a minha vida, embora alguns tenham mudado. Alguns para sempre, e não para melhor. Alguns se foram e outros permanecem. Todos esses lugares tiveram seus momentos com amores e amigos, dos quais ainda posso-me lembrar. Alguns estão mortos e outros estão vivendo. Em minha vida, já amei todos eles”.
Dedico esse post ao meu velho amigo Lito, de tantas noitadas, violões e, muitos, muitos sonhos de ser pop star. Torço para que se recupere e aproveito para agradecer por ter-me apresentado a essa linda e inesquecível canção.

Comments

5 Responses to “UMA BELA MÚSICA, UM VELHO AMIGO E AS AGRURAS DA VIDA”

27 de março de 2009 13:16

Não conheço uma pessoa que não goste dos Beatles,adoro essa música.
Se puder, me visite.

C. disse...
28 de março de 2009 21:15

Beatles é sempre ótimo!

www.casadobesouro.blogspot.com

Bete Meira disse...
29 de março de 2009 03:26

(...)"Mas se é amigo não precisa mudar e é tão lindo,deixa assim como está" (...).
A boa música é uma ótima companhia. Belo post,também torço para que Lito se encontre e seja muito feliz

Leandro disse...
29 de março de 2009 18:47

Encontrar velhos amigos depois de muito tempo, nem sempre faz bem; ao menos não pra mim. Ainda pior, quando o camarada foi castigado pelo tempo, está enfraquecido, adoentado. Fico muito triste.

13 de maio de 2016 11:58

Realmente fantástico! Poder ver em sua palavras um nobre ato de amizade!