UMA TELHA PARA LULA


Denunciei aqui o descaso e a morosidade do Metrorec para com o problema das goteiras danificando obras do artista plástico pernambucano Lula Cardoso Ayres. Pois bem, estava eu a caminho do trabalho – como faço cotidianamente – quando deparei-me, na estação Central do Metrô, com esse mal-assombro (foto acima).
Na tentativa de “resolver” a infiltração que estava danificando um dos painés, o Metrorec, literalmente, armou um barraco. Como é “impossível” acabar com uma terrível infiltração, colocaram uma telha de alumínio que agora compõe o ambiente de exposição. Ao menos, a goteira não vai mais apagar um importante registro artístico.

Comments

No responses to “UMA TELHA PARA LULA”