PROFESSORES DA REDE ESTADUAL DE PERNAMBUCO TIVERAM SEUS SALÁRIOS ZERADOS POR DESCONTOS ABUSIVOS

Sintepe cobra ao governo medidas contra descontos salariais
Escrito por Mellyna Reis   
Ter, 26 de Julho de 2011 18:03

Diante dos descontos abusivos nos contracheques dos trabalhadores em educação contemplados com o Bônus de Desempenho Educacional, a direção do Sintepe se reuniu nesta terça-feira (26) para definir as medidas a serem tomadas.
Aos profissionais que tiveram o salário de julho reduzido ou zerado, o Sintepe informa que já procurou as secretarias de Administração e Educação, das quais está aguardando providências sobre a situação. Veja abaixo a nota elaborada pela direção do sindicato:
  
NOTA DE ESCLARECIMENTO
Ao tomar conhecimento dos descontos inesperados ocorridos na folha salarial deste mês de julho, devido ao pagamento do Bônus de Desempenho Educacional (BDE), o Sintepe entrou em contato com os secretários de Administração, Ricardo Dantas, e Educação, Anderson Gomes, cobrando providências.
Ambos os gestores se comprometeram em analisar a situação, já que nos anos de 2009 e 2010, não houve descontos porque o BDE foi incluído como benefício, da mesma maneira que ocorre com o vale-refeição.
A inclusão do valor do BDE na parcela tributável do contracheque provocou inúmeras distorções, dentre elas um volume muito alto de dedução no Imposto de Renda, alteração no valor das pensões alimentícias, Funafin, Sassepe e vale-transporte, além de reduzir drasticamente ou mesmo zerar uma grande quantidade de contracheques. Tal medida atingiu principalmente os profissionais que possuem duas matrículas no Estado.
O Sintepe não entende como uma bonificação referente ao exercício 2010, a qual seria paga por meio de uma folha extra, de acordo com o que foi anunciado pelo próprio governo, traga prejuízos ao salário do trabalhador. Exigimos uma solução imediata por parte do governo do Estado.

Clique na imagem para ampliar


Contracheque zerado de professor da Rede Estadual; a identidade do profissional foi preservada
Fonte: Sintepe

Comments

No responses to “PROFESSORES DA REDE ESTADUAL DE PERNAMBUCO TIVERAM SEUS SALÁRIOS ZERADOS POR DESCONTOS ABUSIVOS”