HÁ UM ANO DILMA ROUSSEF ENTRAVA PARA A HISTÓRIA COMO A PRIMEIRA MULHER ELEITA PRESIDENTA DO BRASIL

Estive na festa e na quase festa da Presidenta Dilma. A quase festa foi a frustração do primeiro turno. Acompanhamos o final da apuração no Marco Zero, coração do Recife. Quando anunciaram no serviço de som que teríamos segundo turno, uma certa tristeza – e um pouco de angustia – pairou no ar. Veio então o segundo turno e, enfim, a grande festa.

Lembro-me bem que toda a celebração pela ascensão daquela mulher de face carrancuda soou como um revival do movimento “Diretas Já”. O povo reunido em praça pública em nome da democracia. Obviamente, houve quem temesse pelo que viria com Dilma à frente da presidência. Hoje, um ano depois da eleição, muitos falam em afirmação. Aos poucos, a presidenta foi se livrando da sombra de Lula e impondo o seu estilo. Enfrentou seis quedas de ministros sem declinar da sua postura austera mostrando uma segurança de quem já estava acostumada com o poder.

Dilma, assim como Lula, está tendo um espaço importante na mídia internacional sendo aclamada como a terceira mulher mais poderosa do mundo, perdendo apenas para a chanceler alemã, Angela Merkel, e a secretária de Estado americana, Hillary Clinton. Mesmo enfrentando uma oposição ferrenha,  vem conseguindo manter a governabilidade num patamar aceitável. Além do mais, o bom momento econômico do Brasil vem rendendo ótimos índices de popularidade para ela.

O saldo desse quase um ano de governo é absolutamente positivo. Dilma tomou atitudes firmes para combater a corrupção instalada em vários segmentos do governo sem se render aos ataques da oposição. Implementou uma faxina política em diversos setores do governo sem fazer muito estardalhaço. O primeiro passo foi dado, mas o caminho ainda é longo. 

 

Comments

No responses to “HÁ UM ANO DILMA ROUSSEF ENTRAVA PARA A HISTÓRIA COMO A PRIMEIRA MULHER ELEITA PRESIDENTA DO BRASIL”