A CONCREPOXI RESPONDE AO JORNÁLIA SOBRE A OBRA NA ANTIGA ESTAÇÃO CENTRAL DO RECIFE

A empresa de engenharia Concrepoxi, respondeu ao Jornália do Ed sobre sua participação na obra que visa a implantação do Centro Cultural Banco do Brasil no prédio da antiga Estação Central do Recife. Renata Gaudêncio, diretora de projetos da empresa, enviou também o Termo de Recebimento da obra. Reproduzo, abaixo, na íntegra, o e-mail e o documento:

Prezado Edvaldo,
 
Bom dia. Apresento-me como Diretora de Projetos da Concrepoxi uma empresa de engenharia, pernambucana, que está no mercado há 30 anos.
Reconheço o seu trabalho como jornalista e a preocupação em retratar os assuntos de interesse público.
E entendo que como não tivemos a oportunidade de nos comunicar isso gerou como conseqüência a apresentação de informações incorretas no Blog Jornalia do Ed.
 
O escopo de um projeto de Centro Cultural é muito mais abrangente do que a atividade de Obra Civil, a qual esta Empresa foi a responsável. Não temos o conhecimento detalhado do mesmo, mas imagino que seja composto de etapas como: definição de conceito, acervo, projetos, construção (obra civil) , OPERAÇÃO.
 
A obra já foi entregue conforme declara o Termo de Recebimento em anexo assinado pelo nosso cliente, o Banco do Brasil, e pela Concrepoxi Engenharia. Como procedimento de qualidade desta Empresa este Termo só é assinado após a satisfação plena dos nossos clientes.
 
Gostaria que este esclarecimento fosse exposto no seu BlOG dando-nos o direito de resposta.
 
Coloco-me a disposição para maiores esclarecimentos e para futuras noticias que sejam de interesse do público.
 
Atenciosamente,
 

Renata Gaudêncio


                Termo de Recebimento da Obra
                 (clique na imagem para ampliar)
Pelo documento acima, fica claro que a empresa Concrepoxi realizou uma reforma no prédio da antiga Estação Central e entregou a obra no prazo previsto, 28/12/2009. O Banco do Brasil, responsável pela implantação do Centro Cultural, por razões que desconhecemos, não deu seguimento ao projeto e o prédio, segundo nos informou um operário da obra, acabou sendo parcialmente depredado. Aguardamos respostas do Banco do Brasil sobre a data prevista para a conclusão da implantação do Centro Cultural Capiba.

Comments

No responses to “A CONCREPOXI RESPONDE AO JORNÁLIA SOBRE A OBRA NA ANTIGA ESTAÇÃO CENTRAL DO RECIFE”